Matriz canónica de uma transformação de um polinómio

De My Solutions
Revisão em 10h21min de 10 de agosto de 2016 por Ist178052 (Discussão | contribs) (Criou a página com "<div class="toccolours mw-collapsible mw-collapsed" style="width:420px"> '''Metadata''' <div class="mw-collapsible-content"> *CONTEXTO : Primeiro ciclo universitário *AREA:...")

(dif) ← Revisão anterior | Revisão atual (dif) | Revisão seguinte → (dif)
Ir para: navegação, pesquisa

Metadata

  • CONTEXTO : Primeiro ciclo universitário
  • AREA: Matemática
  • DISCIPLINA: Álgebra Linear
  • ANO: 1
  • LINGUA: pt
  • AUTOR: Equipa Álgebra Linear
  • MATERIA PRINCIPAL: Espaços lineares e transformações lineares
  • DESCRICAO:
  • DIFICULDADE: easy
  • TEMPO MEDIO DE RESOLUCAO: 15 mn
  • TEMPO MAXIMO DE RESOLUCAO: 30 mn
  • PALAVRAS CHAVE:

Sejam os espaços lineares \( \mathcal{P}_2 \) e \( \mathcal{P}_3 \) dos polinómios reais de variável real de grau menor ou igual a 2 e a 3, respectivamente, e a transformação linear definida por \(\begin{array}{cccc}T:&\mathcal{P}_2&\longrightarrow&\mathcal{P}_3\\\text{}&f(t)&\text{$|\rightarrow$}&0\underset{0}{\overset{t}{\int}}f(x)dx-3f(t)\\\end{array}\) A matriz canónica que representa T é dada por:



Para obter o zip que contém as instâncias deste exercício clique aqui(trLinPol2)

Se deseja obter o código fonte que gera os exercícios contacte miguel.dziergwa@ist.utl.pt