Órbita Geoestacionária

De My Solutions
Ir para: navegação, pesquisa

Metadata

  • CONTEXTO : Primeiro ciclo universitário
  • AREA: Física
  • DISCIPLINA: Mecânica e ondas
  • ANO: 1
  • LINGUA: pt
  • AUTOR: Pedro Brogueira
  • MATERIA PRINCIPAL: Velocidade e aceleração angular
  • DESCRICAO: Órbita de Transferência de Hohmann
  • DIFICULDADE: ****
  • TEMPO MEDIO DE RESOLUCAO: 1000 [s]
  • TEMPO MAXIMO DE RESOLUCAO: 1500 [s]
  • PALAVRAS CHAVE: Potencial Efetivo, Conservação de Momento Angular, Forças Centrais, Órbita de Transferência de Hohmann, Energia, Força de Gravitação Universal
Órbita de Transferência de Hohmann.

Um satélite é colocado em órbita geoestacionária em volta da Terra partindo de uma órbita baixa (LEO) a 900 km de altitude. Para isso usa um lançador cuja massa combinada com a massa do satélite e o combustível totaliza 4000 kg.

Dados:

\(M_T \simeq 5.97 \times 10^{24} \) Kg

\(G \simeq 6.67 \times 10^{-11} \)m\(^3.\)Kg\(^{-1}.\)s\(^{-2} \)

  • Calcule a velocidade e o período do lançador na órbita baixa.

Respostas

\( V = 12.5 \, m.s^{-1} \)

  • Calcule a energia do lançador na órbita baixa.

Respostas

\( V = 12.5 \, m.s^{-1} \)

  • Calcule a altitude e a velocidade do lançador na órbita geoestacionária.

Respostas

\( V = 12.5 \, m.s^{-1} \)

  • Determine as velocidades de entrada e saída na órbita de transferência de Hohmann (órbita elíptica nº2) numa manobra entre a referida órbita baixa (1) e a órbita geoestacionária (3)

Respostas

\( V = 12.5 \, m.s^{-1} \)