A Caminho da Era de Ultron – Tony Stark/Iron Man

 

Se houvesse uma votação democrática para eleger o líder d’ Os Vingadores, o Iron Man ganharia sem qualquer tipo de espinhas, grandes ou pequenas.
A sua história começou em 2008, quando se viu traído por quem julgava ser seu amigo. Esta traição levaria-o a criar o a armadura do Homem-de-Ferro e usá-la para corrigir os erros do seu passado: desmontar o negócio de armas que o tornou famoso. Numa cena pós-créditos, o Tony Stark é abordado por um tal Nick Fury que lhe quer falar de uma certa iniciativa. E os dados estão lançados.

O segundo filme trouxe-nos uma visão mais negra do nosso herói.
No auge da sua fama, Tony Stark é confrontado com um prognóstico mortal. E como não bastasse, tem um cientista injustiçado à procura de receber o seu quinhão de carne. Sendo o homem complicado que é, o Tony Stark decide lidar com os seus problemas, e passar o seu legado, da maneira mais complicada possível. Por sorte, tudo se acaba por resolver. Neste filme somos também apresentados a uma espécie mortífera de aranha, a viúva negra, e a um certo martelo…

Segue-se o filme mais esperado do Universo Marvel: Os Vingadores.
Irei falar deste aventura numa futura publicação.
Por agora, só precisam de saber que o Nick Fury reuniu uma equipa de heróis. Eles tiveram uns arrufos iniciais. Depois, aprenderam a trabalhar em equipa. E acabaram por salvar Nova Iorque de uma invasão extraterrestre.

Dizer que Tony Stark é um homem perseguido pelo seu passado, seria dizer pouco. Iron Man 3 continua esta onda.
É nos mostrado um Tony Stark traumatizado com os eventos ocorridos n’ Os Vingadores. Com insónias e visões que o assombram mesmo quando está acordado, Stark entrega-se de corpo e alma ao seu trabalho, criando armadura atrás de armadura. Isto tudo enquanto tem de lidar com um vilão assustador e outra sombra do passado.
No final, Tony Stark consegue encontrar a sua redenção e faz uma formatação literal a todo o seu trabalho. Um novo começo, com novos e melhores valores.


O Tony Stark é o carisma da equipa.
Um dos muito poucos, em todo o Universo Marvel, que revelou a sua identidade secreta ao público e que abraçou de bom grado a fama – assim como as suas consequências.
Nem sempre é o mais ajuizado. É um individualista com um complexo de Deus e tem algumas atitudes que podem prejudicar o resto da equipa. Por sorte, esses pontos negativos vão embora depois do chocalharem um bocado e lhe mostrarem, de perto, as consequências das suas acções.

A Era de Ultron

Já se sabe que foi o Iron Man que, directa ou indirectamente, criou o Ultron – a inteligência artificial que ameaça a vida no planeta Terra.
Também sabemos que uma das suas armaduras mais vistosas, a Hulkbuster (mostrada pela primeira vez no Iron Man 3), vai ter finalmente o destaque que merece.
Podemos adivinhar que “A Era de Ultron” nos irá mostrar um Tony Stark obcecado em corrigir mais um dos seus erros. Até onde irá para o fazer? Será que o seu individualismo voltará a pôr a equipa em perigo? As respostas a estas, e outras, perguntas serão reveladas a 30 de Abril.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

You can add images to your comment by clicking here.